Mastergel
01/10/10
Novo moinho de pastas garante um salto de 30% no potencial de fabricação de gelcoat

foto02

A Mastergel turbinou ainda mais a sua operação de gelcoat com a compra de um equipamento para a moagem de pastas - garantiu um aumento de 30% na capacidade instalada da empresa.

"Em função do aquecimento do mercado de compósitos ao longo do primeiro semestre, e das expectativas bastante positivas até o final do ano, decidimos investir na aquisição do moinho. Dessa forma, poderemos trabalhar com um pouco mais de folga e garantir o pleno fornecimento de gelcoat aos nossos clientes", afirma Rosi Ana Peterhans Espíndola, diretora. O novo equipamento, ela salienta, também acelera a moagem e melhora a dispersão dos pigmentos, aprimorando a qualidade do gelcoat da Mastergel.

Segundo a Associação Brasileira de Materiais Compósitos (ABMACO), o setor brasileiro de compósitos - ou plástico reforçado com fibras de vidro (PRFV) -, deve fechar 2010 contabilizando um faturamento de R$ 2,49 bilhões, cifra 11% maior que a do ano passado. Em volume consumido, a expectativa é de 210.000 toneladas, contra 183.000 em 2009 (aumento de 14,7%). "A Mastergel está tendo um desempenho acima das nossas previsões, tanto no negócio de gelcoat como na distribuição de matérias-primas", completa Rosi.

Rosi: desempenho da Mastergel em 2010 supera as previsões